Fechando o ano: Novi_sad – ‘Sirens’

sad

 

Depois da ocupação da Escola de Artes Visuais do Parque Lage nos dias 06/ 07/ 08 de dezembro, o Festival Multiplicidade encerra sua nona temporada de volta ao teatro do Oi Futuro Flamengo, com a apresentação do artista Novi_sad, alter-ego de Thanasis Kaproulias.

Influenciado pelos pioneiros da produção sonora, Novi_sad começou a trabalhar com som no ano de 2005, sem qualquer tipo de estudo ou formação acadêmica específicos na área. Sua pesquisa musical está principalmente ligada aos gêneros noise e drone.

Através da amplificação de gravações ambientais e suas manipulações através de texturas, Novi_sad começou a explorar a música ambiente de forma não-estruturada, com alteração de microtons e subversão de melodias.

‘Sirens’ é uma performance audiovisual complexa, baseada nos seres mitológicos gregos chamados de Sirenas. Conta-se que, através de seus cantos, essas figuras seduziam marinheiros que guiavam seus barcos em sua direção e se chocavam contra as rochas, onde morriam ou acabavam se tornando escravos.

A partir dessa lenda, Novi_sad traçou um paralelo entre essa sedução com o dinheiro e a humanidade.

Através de estudo de números vindos de macro-cenários, o artista transformou em fórmulas matemáticas o resultado de diversos eventos sismícos que ocorreram simultaneamente as quebras das  de Valores no mundo (como um tremor catastrófico na Índia ao mesmo tempo da quebra da Bolsa de Nova Iorque em 1929).

Esse material foi cedido por diversas instituições de registro e observação de fenômenos naturais, como a NASA. A seguir, ele os aplicou como modificadores sonoros por cima de um material pré-gravado por cinco músicos e seus instrumentos:

» Richard Chartier | EUA [www.3particles.com]
» CM von Hausswolff | Suécia [www.cmvonhausswolff.net]
» Jacob Kirkegaard | Dinamarca [www.fonik.dk]
» Helge Sten | Noruega [Deathprod, Supersilent]
» Rebecca Foon | Canadá [Rebecca Foon, A silver mt Zion, Set fire to flames]

O resultado é uma peça audiovisual de 40 minutos, cuja parte visual é criação do video-artista japonês Ryochi Kurokawa, atração do Festival Multiplicidade em 2012 com a peça ‘Rheo’.

‘Sirens’ dialoga com a subversão humana através do dinheiro e seu futuro de colisão em cenários catastróficos, principalmente por conta do apetite voraz e da ganância de Wall Street.

Novi_sad toma para si a frase do economista americano John Kenneth Galbraith (1908-2006) para ilustrar seu pensamento a respeito do tema:

“Wall Street, in these matters, is like a lovely and accomplished woman who must wear black cotton stockings, heavy woollen underwear, and parade her knowledge as a cook because, unhappily, her supreme accomplishment is as a harlot.”

No dia 17 de Dezembro, Novi_sad realiza uma palestra no Oi Futuro Flamengo a respeito de seu trabalho, metodologia e processo criativo, com entrada totalmente gratuita. Dia 19 ele apresenta a peça no mesmo local, com ingressos no valor de R$ 20 (R$ 10 – estudante).

E, encerrando o ano do Festival Multiplicidade, o DJ Guerrinha (40% Foda/Maneiríssimo) toca na festa de encerramento no térreo do centro cultural, totalmente gratuito.

>>>>>> Serviço

Multi_05_2013 – Novi_sad – Sirens

17 de dezembro 2013 - NOVI_SAD [GRE] - Palestra/ workshop
19H – 20H30 / Teatro 7º Piso
Gratuito – 80 vagas (inscrição em info@multiplicidade.com)
 
18 de dezembro 2013 - Discussão: Diálogos Urgentes - Realizadores culturais convidados
18H – 20H / Bistrô 8º Piso
Gratuito – Aberto ao público, sujeito à lotação da casa.
 

19 de dezembro 2013 - NOVI_SAD [GRE] - Performance: SIRENS

20H – 21H / Teatro 7º Piso
72 lugares – R$20/ R$10  (estudante)
vendas a partir de terça-feira (dia 17 de Dezembro) no Oi Futuro Flamengo ou no site Ingresso Rápido.
Festa de encerramento com DJ Guerrinha (40% Foda/Maneiríssimo)
21H-23H / Térreo
Gratuito
>>> Oi Futuro Flamengo
Rua Dois de Dezembro, 63 – RJ
 +55 (21) 3131-3060